EXTRAÇÕES DE DENTES

Dentro da área da cirurgia está a área das extrações de dentes e há diversas razões que geram a necessidade da uma intervenção cirúrgica na odontologia. Como por exemplo: traumas dentários por acidente, infecções na região bucal, cáries não tratadas, cirurgias na fase pré-protéticas e anomalias congênitas.

 

Ao longo da vida, muitas pessoas acabam tendo a necessidade de extrair algum dente da boca. Uma extração pode resultar em dificuldades mastigatórias para o paciente. A ausência de dentes de um lado pode fazer com que o paciente mastigue do lado oposto, gerando disfunções da musculatura da face e assimetria muscular. Outra consequência da ausência de um dente é a perda óssea da região, que gera a inclinação dos dentes vizinhos ao dente extraído gerando forças laterais na hora de mastigar o que ao longo do tempo fragiliza esses dentes.

 

Por isso, após uma extração é recomendado o planejamento de implantes ou prótese dentária. Os implantes são mais indicados por reabilitarem a estrutura óssea da região reduzindo a perda óssea, além de serem uma solução definitiva.

 

Outra cirurgia bastante comum é a extração do Siso, ou popularmente chamado de dente do juízo. Localizados no fundo da boca, eles são os últimos dentes a serem desenvolvidos no início da juventude. Nem todas as pessoas nascem com o dente do Siso, mas para muitas ele pode ficar retido embaixo da gengiva ou nascer em uma posição que gere dores e afete o posicionamento dos demais dentes, além de em muitos casos dificultar a higienização. Desta forma, pode ser uma boa ideia retirá-los.

 

Aqui nas Clínicas Odontológicas Precisodonto de Ribeirão Preto indicamos a realização das cirurgias sempre com anestesia computadorizada e laserterapia. Estes dois tratamentos são os mais modernos do mercado e geram um conforto adicional para nosso paciente.

 

A anestesia computadorizada possibilita anestesiar mucosas e gengivas sem dor e com maior precisão. Utilizando um aparelho eletrônico chamado Morpheus, o cirurgião-dentista injeta anestesia com um objeto bem similar a uma caneta, conseguindo assim manipular sua utilização com mais eficiência somente no local a ser tratado, evitando a dormência de diversas áreas da boca após o procedimento.

 

Já a Laserterapia consiste em uma técnica usada em várias áreas da saúde. Seu tratamento é feito com uso de laser de baixa potência para auxiliar na cicatrização dos tecidos. Sua aplicação após a cirurgia reduz inflamações, lesões musculoesqueléticas e infecções na região, além de aliviar a dor nos dias pós cirurgia. A sua aplicação também acelera a cicatrização.

 

 

Está precisando fazer alguma extração? Procure nossos especialistas e faça uma avaliação!

PERGUNTAS FREQUENTES

Quando extrair o dente do SISO?

O dente do Siso é indicado para extração quando em uma posição que gere dores ou deslocamento dos demais dentes da boca. O ideal é fazer um monitoramento a partir dos 15 anos e retirá-los antes de irromper, de modo a não gerar nenhum prejuízo a saúde bucal.

 

Todas as pessoas têm os 4 dentes do Siso?

Não, algumas pessoas não desenvolvem os dentes do Siso e muitas desenvolvem apenas alguns. Para saber se você tem algum dos dentes do Siso é necessário realizar uma radiografia panorâmica e fazer uma avaliação.

 

Quais os cuidados necessários no pós-operatório?

Após a cirurgia é recomendado o repouso, evitar ficar ao sol e fazer atividades físicas. É de suma importância uma alimentação adequada e higienização da região. Recomendamos ao menos 3 sessões de laserterapia após a cirurgia para ajudar na cicatrização. Nossos especialistas irão tirar todas as suas dúvidas para ter uma recuperação confortável.

 

Como é o tratamento de laserterapia?

A laserterapia auxilia na cicatrização da região onde foi realizada a cirurgia. Recomendamos ao menos 3 sessões nos 3 dias seguidos a cirurgia. Estas sessões são realizadas na clínica e são muito rápidas, feitas na própria sala de avaliação. Ao longo da sessão nossos avaliadores também irão verificar como está a cicatrização da região e te auxiliar nos cuidados pós cirúrgicos.

 

Quais os cuidados antes da cirurgia?

É fundamental uma boa alimentação nos dias antes da cirurgia, contudo nas horas anteriores faça apenas uma alimentação leve, evitando alimentos pesados como carne, ovo e leite e seguindo as recomendações do profissional que irá realizar a cirurgia. Importante também estar com a pressão controlada e a diabetes em níveis adequados. Comunique sempre ao cirurgião quais remédios que está utilizando. Evite bebidas alcoólicas no dia anterior a cirurgia e evite fumar no mês da cirurgia, o cigarro prejudica a cicatrização